Waldir Maranhão vota favorável na aprovação do plano de carreira para professores do ensino básico.


O deputado federal Waldir Maranhão (PSDB), votou favorável na proposta que estabelece diretrizes para a valorização dos profissionais da educação básica pública em sessão plenária na última terça-feira (07), na Câmara dos Deputados.

O projeto aprovado pela Câmara, prevê que deverá haver planos de carreira que estimulem o desempenho e o desenvolvimento dos profissionais em benefício da qualidade da educação escolar e condições de trabalho que favoreçam o sucesso do processo educativo. 

A jornada semanal de trabalho será de até 40 horas semanais e, para os professores que dão aulas, parte será reservada a estudos, planejamento e avaliação, de acordo com a proposta pedagógica da escola. Já o período mínimo de experiência docente para que o profissional possa exercer outras funções de magistério será de dois anos. 

Assim, o pagamento de adicionais de remuneração a esses profissionais deverá contemplar, por exemplo, modificações no perfil exigido ou mudanças nas condições normais de exercício do cargo ou emprego, especialmente a titulação. Também será levado em conta o exercício da profissão em condições que possam comprometer a saúde ou em estabelecimentos em áreas de reconhecidos índices de violência.

Para o deputado Waldir Maranhão, o plano de diretrizes da Educação Básica, além de valorizar o trabalho dos professores irá atrair bons profissionais para as salas de aula.

“Ao aprovar este plano de carreira para o nossos professores, a Câmara do Deputados faz justiça aos nossos educadores da Educação Básica. Através deste incentivo, iremos atrair bons profissionais e melhorar a qualidade da educação. Este é o nosso trabalho, trabalhar cada vez mais pela educação do Brasil e do Maranhão”, finalizou o deputado Waldir Maranhão.

Para saber mais sobre o plano de carreira para os professores da Educação Básica acesse: http://www2.camara.leg.br/camaranoticias/noticias/EDUCACAO-E-CULTURA/561043-CAMARA-APROVA-DIRETRIZES-PARA-VALORIZACAO-DOS-PROFISSIONAIS-DA-EDUCACAO-BASICA-PUBLICA.html